Connect with us

Música

Entrevista com a Banda Scalene, destaque do Superstar: “É uma bênção os fãs que temos”

Gustavo falou sobre o novo álbum e participação no reality musical

Published

on

Entrevista com a Scalene, banda que está arrasando no Superstar
A banda Scalene está arrasando no palco do programa Superstar! Eles levantam a bandeira do rock, e todos os domingos surpreendem jurados e público com algo novo.
Tudo começou em Brasília, em 2009, quando os irmãos Gustavo Bertoni (guitarra e vocal) e Tomas Bertoni (guitarra) se juntaram  aos amigos de infância Lucas Furtado (baixo) e Philipe ‘Makako’ (bateria e vocal) para fazer um som apenas por diversão. Mas, aos poucos, eles foram percebendo que levavam jeito para a carreira musical.
Além do “ÉTER”, álbum mais recente, a banda já lançou o EP “Cromático” e o álbum “Real/Surreal”. Nesse ano, eles tocaram no festival Lollapalooza Brasil! Muito legal, né?
Conversamos com o vocalista Gustavo, que falou sobre música e o reality Superstar. E claro que não deixamos de perguntar para o muso da edição se ele está na pista ou não. As respostas você confere agora:
Entrevista com a Scalene, banda que está arrasando no Superstar

Foto: Divulgação

– Li no site do programa “Superstar” que vocês se conhecem desde a infância e faziam música apenas por diversão. Quando sentiram que era hora de investir na carreira de musical?
Isso foi acontecendo aos poucos. Fomos nos animando cada vez mais com o processo de ter uma banda (compor, lançar material, tocar em shows…) e recebendo mais feedback de quem começava a acompanhar os primeiros passos da banda. Mesmo sendo algo gradual, acho que foi por volta do EP Cromático que realmente começamos a profissionalizar a banda e encará-la como projeto de vida.
 – Qual foi a sensação de tocar em um festival tão grande como o Lollapalooza?Foi sensacional. A estrutura do evento é inacreditável. Engraçado que como fomos a primeira banda do segundo dia (tocamos às 12h), a grande maioria do público que chegou cedo já nos conhecia! Então nos sentimos em casa e a troca de energia com a galera foi irada.
– Quais são as inspirações do novo trabalho da Scalene, o álbum “ÉTER?”
Muita, muita coisa, haha! De filmes à documentários, de bandas de rock à trilhas sonoras. As letras são inspiradas pelo que vivemos e queremos viver como banda, assim como experiências e reflexões pessoais de cada integrante. O conceito do ÉTER como o quinto elemento (que harmoniza e equilibra os quatro mais conhecidos: água, fogo, terra, ar) foi perfeito para amarrar os temas que abordamos. As bandas que mais nos influenciam são: Thrice, Queens of the Stone Age, Radiohead, O’Brother, City and Colour.
– Curiosidade: como vocês gravaram o clipe da música “Sublimação”? Foi debaixo d’água mesmo, rolou algum truque, técnica?
Foi debaixo d’água mesmo hahaha! O truque foi acelerar a música 3x para conseguirmos ficar ela inteira sem respirar. Eu cantei com um fone de ouvido e o diretor ficou ouvindo a música de amplificadores do lado de fora. Foi divertido! Achamos que a linguagem do slow motion, cenário e metáforas conversaram bem com a mensagem da música.

.

– A Scalene vem de Brasília, cidade conhecida como o celeiro do rock nacional. Isso torna a responsabilidade maior?

Brasília é uma cidade única e diversificada. Cheia de talento. É uma honra representá-la! Mas não costumamos relacionar nosso som com a safra de ouro dos anos 80. Eles foram de extrema importância e devem ser pra sempre honrados e lembrados, mas não chegam a nos influenciar sonoramente. Acho que pro bem do Rock, o Brasil precisa começar a valorizar mais as bandas novas também. Tem MUITA coisa legal acontecendo.

+Sabrina Sanm conta momento mais tenso do Superstar
+Vocalista da Move Over, sucesso no Superstar, fala sobre música e adolescência

– A música “Amanheceu” fez o maior sucesso no palco do “Superstar” e emocionou o Thiaguinho. A composição é sua, certo? Qual foi a reação da sua mãe ao ouvir a canção? Houve alguma motivação especial para escrever a música?

Sim! Ela se emocionou muito. Fiz questão de “escondê-la” até estar pronta, pra minha mãe ouvi-la da melhor forma possível. A galera daqui de casa acaba ouvindo o nascimento das músicas porque as canto ou toco pela casa. Mas essa tinha até um pouco de vergonha de cantar porque era muito pessoal. Hoje em dia a canto com o maior prazer.

 – Qual foi o momento mais legal do Superstar até agora?

A primeira apresentação foi certamente a mais surpreendente. Não tínhamos a MÍNIMA noção do que esperar do programa e como seria a repercussão da nossa música. Foi nossa maior nota e talvez nossa melhor performance até agora. Muita gente se emocionou com a letra de “Surreal” e isso não tem preço. É muito gratificante.

-Tem muita gente dizendo que vocês são os favoritos a levar o prêmio. Vocês sentem a pressão do favoritismo no palco ou no dia a dia mesmo?

Não. O programa tem vários detalhes e estratégias a serem pensadas mas, no final das contas, tudo se resume a ir lá e dar nosso melhor. Não tem como querer controlar tudo, é muito imprevisível.

– A Scalene faz muito sucesso nas redes sociais. No domingo (21 de junho), por exemplo, o nome da banda estava entre os assuntos mais comentados do Twitter antes mesmo de subir ao palco! Qual a importância do apoio do público todas as semanas?

É tudo. Mais do que nunca. Uma banda só existe por causa de seu público. Mas seu público existe muito bem sem ela. Hahaha. É tudo uma questão de troca. Oferecemos nosso corpo, mente e alma – o público responde como acha que deve. É uma bênção os fãs que temos. Muito educados, do bem e animados. Em geral, galera que valoriza a música antes de qualquer outra coisa.

Entrevista com a Scalene, banda que está arrasando no Superstar

Foto: Reprodução/ Instagram

– Você ganhou o título de mais gato do time Paulo Ricardo e tem arrancado suspiros das fãs. O assédio aumentou com a participação no programa? Aliás, as leitoras da todateen perguntaram se você está solteiro, rs.
Aumentou um pouco, é natural. Haha. Então, meninas…meu irmão é o solteirão da banda atualmente. Eu namoro com uma paulista linda, trabalhadora e companheira. Às vezes a distância traz dificuldades mas tem sido maravilhoso.
Os sucessos da Scalene estão disponíveis no Deezer, Rdio , Spotify e iTunes. Partiu ouvir!
Para ficar de olho:
Twitter: @bandascalene
Instagram: @bandascalene
Site oficial: Banda Scalene
Texto e entrevista: Nathalia Faria

Advertisement
1 Comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comportamento

Ex-Now United, Diarra Sylla comemora início da carreira solo, promete show virtual e manda recado para o Brasil

Published

on

Entrevista: Diarra Sylla fala sobre primeiro single da carreira solo, "Set Free", e dá spoilers de álbum em produção
Divulgação

Diarra Sylla conquistou uma quantidade enorme de fãs em todo o mundo quando foi apresentada como a integrante francesa-senegalesa do grupo global Now United. No último ano, os rumores de que a cantora e dançarina estava encerrando suas atividades com o grupo foram confirmadas, já que havia decidido se lançar em uma carreira solo. Muitas suposições estavam sendo feitas desde então, até que, nesta quinta-feira (25), a artista lança seu primeiro single, Set Free.

Com uma letra marcante e especial para fevereiro, quando é celebrado o Black History Month, mês da cultura negra em tradução literal, Set Free traz também um clipe repleto de referências históricas, dirigido por Meagan Good.

+ Teste: qual membro do Now United você é?
+ Vídeo: desafiamos o Now United no Jogo da Mímica!

A todateen entrevistou com exclusividade Diarra, que conta detalhes especiais sobre o single, alguns spoilers sobre o álbum que será lançado, e é claro, seu carinho pelos fãs brasileiros.

Confira!

todateen: O seu primeiro álbum solo será 100% pop ou podemos esperar outros estilos?

Diarra: Minha música não será 100% pop, será bem diversa, estou inserindo diferentes referências de letras, estilos musicais, culturas e tradições. Haverá afrobeat, eventualmente uma sonoridade que lembra o funk, meus fãs brasileiros poderão se identificar, e claro que terei algumas canções mais lentas com R&B, por exemplo, mas com toda certeza haverão mais músicas perfeitas para dançar do que qualquer coisa!

tt: Qual a maior diferença entre esse projeto e o que você contribuiu com o Now United? Existe um novo conceito dentro do seu trabalho musical?

D: Há uma grande diferença, porque no Now United eu estava gravando a música de outras pessoas, que escreveram e nos deram aquelas canções. Não havia relação profunda comigo, então quando se trata da minha música, estou cantando sobre coisas que aconteceram comigo, coisas que acontecem na vida real e irão inspirar as pessoas a mudarem e fazer o melhor, mas que ao mesmo tempo possuem aquela “vibe” e fazem as pessoas quererem dançar.

tt: “Set Free” é forte e traz essa mensagem importante para o Mês da História Negra. Você acha que essas letras intensas serão a marca da sua carreira?

D: “Set Free” foi feita por conta de tudo que tem ocorrido, especialmente em junho, com a marcha para George Floyd, assim como as múltiplas situações que se deram antes disso. Essa canção é especialmente relacionada a tudo que está acontecendo, foi uma forma de “colocar para fora” tudo que estava sentindo, assim como Meagan [Good] e todo o time envolvido no clipe. A gente quis enfatizar a luta, falar para as pessoas temos que nos posicionar e que não está tudo bem tudo isso ainda acontecer, é 2021. Não quero dizer que esse meu tipo de trabalho foi feito apenas para essa canção, mas quero falar que “Set Free” é uma declaração. É uma boa causa, eu faria isso quantas vezes fosse preciso.

tt: “Set Free” é sua primeira música solo, então podemos dizer que também se trata de fazer música do seu jeito?

D: Em “Set Free” eu recebi a ajuda de outro compositor, Kes Kross, assim como Riley Urick, então essa canção foi na verdade um trabalho de equipe. Todos investiram na canção e no clipe, foi um esforço coletivo.

tt: Como foi criar seu primeiro videoclipe solo?

D: Foi bem divertido e estressante! Muitas coisas estavam acontecendo, mas no final, tudo valeu a pena. O processo de gravar algumas cenas foi bem emocionante também, porque percebemos que “caramba, é isso que as pessoas passam, essa é a vida real”, então você está ali, encenando, para fazer as pessoas perceberem o que está acontecendo. Foi muito intenso. Lembro que estava na rua, correndo, quando a cena que as pessoas brancas atiram aconteceu, fizemos isso para o vídeo e logo depois eu comecei a chorar, Meagan também estava chorando, a gente começou a se abraçar enquanto chorava porque foi muito intenso.

tt: Você pode nos contar mais alguma coisa especial sobre o videoclipe? 

D: Eu diria que assim como a cena que lhe contei, existem várias que foram muito importantes para mim, que me inspiraram. O fato é que trabalhar com Meagan Good foi especial, ela é inspiradora, inteligente, bonita, ela é maravilhosa.

tt: Qual foi a parte mais desafiadora de fazer um álbum solo?

D: Eu ainda não terminei de fazer o álbum, por enquanto será só esse single, mas mal posso esperar para que os fãs escutem a música!

tt: Há rumores de que seu novo álbum terá colaborações, incluindo uma cantora brasileira. O que você pode nos contar sobre isso?

D: Vou dizer que rumores são rumores, vamos ver [risos]. Não posso falar muito sobre colaborações no momento, porque quero ver os fãs animados, tem sido um período muito longo de silêncio trabalhando em várias músicas e coisas extras, que por enquanto ainda não posso revelar. Mas, assim que tudo estiver pronto, prometo que eles vão enlouquecer porque vão ficar muito animados.

tt: Podemos esperar coreografias perfeitas para o TikTok em seus videoclipes?

D: Claro! TikTok é muito importante, todo mundo está falando sobre, todo mundo quer estar no TikTok, mães, pais, primos, crianças… Então com toda certeza, vamos ter algumas danças para TikTok e tudo mais!

tt: Podemos esperar um show virtual com suas novas músicas?

D: Com toda certeza! O mundo está diferente então, programas de TV, shows, tudo está acontecendo dessa forma, então definitivamente vou trabalhar em um show virtual para meus fãs.

tt: Você sabe que tem muitos fãs no Brasil, certo?

D: Acredito que sim!

tt: Há planos de vir ao Brasil depois da pandemia?

D: Definitivamente, eu amo o Brasil, não paro de falar disso, estou sempre falando com meus fãs no Brasil pelo Instagram, sempre tento responder. Há muitas mensagens, não vou mentir, mas estou sempre fazendo o possível para conseguir engajar com eles no Instagram e no Twitter. Então com toda certeza, assim que for possível, que essa situação de pandemia estiver controlada, vou ao Brasil, porque muitas coisas minhas estão acontecendo por aí!

tt: Qual é a sua mensagem para os fãs brasileiros?

D: Eu diria para vocês serem vocês mesmos, é o maior poder que você possui, não tente ser outra pessoa e ignore os haters. Na maioria das vezes, meus fãs do Brasil vêm até mim para tentar conversar sobre situações que estão acontecendo na vida deles que estão balançando a autoestima, como bullying. Sempre digo para eles continuarem sendo exatamente quem são, para não ligar para os haters, porque o mais importante é confiar em si mesmo. Don’t give a f!

Continue Reading

Entretenimento

Buddy Poke, Orochi, PK e Xamã se juntam em “Fiquei Rico Cedo”

Published

on

Buddy Poke, Orochi, PK e Xamã se juntam em "Fiquei Rico Cedo"
Divulgação

Mesmo que você não seja um fã assíduo de rap, já ouviu falar de Buddy PokeOrochi, PK e Xamã, artistas deste gênero que têm se destacado, principalmente pela estratégia de realizar parcerias com artistas de outros estilos musicais, o que acaba expandindo o alcance de seus projetos. Agora, os quatro rappers se somaram na canção “Fiquei Rico Cedo“, faixa divulgada nesta quinta-feira (25) com videoclipe.

A música possui um significado potente, já que os quatro artistas são conhecidos de longa data, quando começaram a carreira nas batalhas da roda cultural de São Gonçalo, Rio de Janeiro. “Fique Rico Cedo” é a primeira amostra de um projeto que envolve essas quatro revelações do rap e já está disponível em todas as plataformas, com clipe no YouTube.

“Essa é a primeira faixa de um projeto colaborativo em que traremos as superações e adversidades da época em que rimávamos nas batalhas até o atual momento em que movimentamos milhares de pessoas por todo o Brasil”, explica PK em comunicado à imprensa.

Vem ver:

“Essa música é muito especial pelo fato de reunir os mcs que faziam parte da Batalha do Tanque naquela época em que viver de música era só um sonho quase impossível”, disse Buddy Poke em comunicado à imprensa. “A Batalha do Tanque foi a nossa maior escola. Ali a gente se conheceu, aprendeu a malandragem das ruas e sonhou em ser artista junto”, completa Xamã.

Continue Reading

Entretenimento

SHINee está de volta! Confira tudo sobre o novo álbum “Don’t Call Me”

Published

on

SHINee está de volta! Confira tudo sobre o novo álbum "Don’t Call Me"
Divulgação

Eles estão de volta! Onew, Key, Minho e Taemin lançam nesta sexta-feira (26) o sétimo álbum da carreira, “Don’t Call Me“. Com nove faixas, o disco do SHINee marca o retorno oficial após três anos sem músicas novas, principalmente devido ao fato de os quatro sul-coreanos terem precisado se afastar da música para cumprir serviço militar obrigatório.

A sonoridade forte combinada com uma vibe apocalíptica deu o tom do projeto, que renderá muitas coreografias, afinal, pela primeira o grupo usou referências do hip-hop. Para completar, a faixa-título veio acompanhada de um videoclipe, vem ver:

Atualmente, o SHINee já conseguiu inserir “Don’t Call Me” em primeiro lugar no iTunes dos Estados Unidos. Ao todo, são 35 países em primeiro lugar: Estados Unidos, Austrália, Áustria, Bahrain, Bolívia, Brasil, Canadá, Chile, Colômbia, Finlândia, Hong Kong, Índia, Indonésia, Itália, Japão, Laos, Macau, Malásia, México, Nova Zelândia, Noruega, Peru, Filipinas, Polônia, Rússia, Arábia Saudita, Singapura, Eslováquia, Espanha, Suécia, Taiwan, Tailândia, Turquia, Emirados Árabes Unidos e Vietnã.

Confira o álbum completo:

Continue Reading
Advertisement
Combinação de Nomes

Todos os nomes possuem significados e juntos formam uma combinação única!

Digite nos campos abaixo e descubra nos mínimos detalhes.

 
Combinação de Signos

Confira a combinação de signos para todos do zodíaco

Descubra quais signos combinam no amor, sexo, trabalho e amizade. Faça quantas combinações desejar e compartilhe!

Mais Lidos

Copyright © 2020 - Website produzido por Perfil.com Ltda. Uma parceria de conteúdo Perfil Brasil e Editora Alto Astral. Este site é parceiro do UOL Entretenimento.