Connect with us

Entretenimento

Entrevista: Lycia Barros, autora da série “Despertar”

A autora comentou sobre a comparação com Nicholas Sparks, religião e muito mais! Confira!

Published

on

Lycia Barros

A tt bateu um papo com a autora Lycia Barros. Se você ainda não conhece, vai se apaixonar pelos livros escritos por essa carioca que já conquistou o público feminino com seu talento e histórias pra lá de românticas.

Lycia já publicou diversos livros e agora assina com a Editora Arqueiro para levar suas páginas ao público.

Confira:

Lycia Barros

Foto: Divulgação / Editora Arqueiro

tt: Seus livros têm uma carga emocional superforte. Você, inclusive, já foi comparada ao autor Nicholas Sparks. O que você acha disso? Esses rótulos ajudam ou atrapalham?

Lycia: Olha, neste caso específico, acho que ajuda no sentido de facilitar a identificação das leitoras que ainda não me conhecem com os temas dos meus romances, que realmente são parecidos com os que o Nicholas aborda. No entanto, em termos de escrita e narrativa somos bem diferentes. Cada um tem a sua voz como escritor. E temos outra diferença fundamental: meus livros são narrados através de personagens brasileiros e em cenários nacionais, o que facilita ainda mais a identificação das leitoras com a trama. Elas amam isso.

tt: Você foi a ganhadora do prêmio CODEX DE OURO em 2013 com o “melhor romance brasileiro”. O que esse prêmio acrescentou ao seu trabalho?

Lycia: Confiança. Escrevo por puro prazer, me divertindo em primeiro lugar, mas ter meu trabalho reconhecido pela banca de um prêmio literário me deixou bastante motivada a continuar a perseverar neste caminho da escrita, o qual eu simplesmente adoro e tento me aperfeiçoar a cada dia.

[saiba_mais]

tt: Seu livro “A Bandeja” já foi considerado um “romance gospel”. Para quem ainda não conhece o gênero, o que isso significa? O que esperar de um romance assim?

Lycia: Este é outro motivo pelo qual sou muito comprada com o autor Nicholas Sparks, pois sempre falamos de Deus em nossos livros. Na verdade, embora os dramas e romance sempre sejam os temas principais das minhas obras, sempre falo um pouco da importância de se ter uma vida espiritual. Acho que o jovem contemporâneo não pensa muito nisso, mas quando leem sobre o assunto, recebem as mensagens superbem. Recebo milhões de e-mails deles falando sobre como algum de meus livros os transformou de alguma maneira, isso é muito gratificante.

Bandeja - Lycia Barros

Foto: Divulgação / Editora Arqueiro

 tt: Outros livros abordam ou abordarão essa temática? Como é feita a pesquisa para tratar sobre temas religiosos?

Lycia: Como falei, procuro não entrar muito em religião, mas em vida espiritual e contato com Deus. Assim o leitor se sente livre para interpretar o que está sendo dito. E sim, sempre procuro deixar mensagens ao longo da trama, muitas delas sobre fé e perdão. Leio muito sobre o assunto e sei que são fatores importantes e inesgotáveis para serem discutidos. Quanto antes os jovens os aplicarem em suas vidas, mais bem resolvidos emocionalmente serão. Escrevo pensando no que gostaria que meus filhos lessem, mas sempre pensando em como tornar o romance atrativo e divertido, inclusive para mim, que sou mega romântica.

tt: Qual é a “resposta” das leitoras que seguem os princípios religiosos da personagem principal do livro? Elas se identificam?

Lycia: Totalmente. Mas o mais engraçado é que pessoas que nunca tiveram uma aptidão religiosa se reconhecem também. Isso é muito lindo. Na verdade, como trato muito sobre dores da alma, é difícil um leitor ficar indiferente. E os romances também são bem turbulentos e passionais, como em nossa vida real. É nisso que elas mais se identificam. Elas querem se redimir através dos personagens. Choram por eles, torcem, se apegam… É muito legal.

tt: Quais são os seus próximos projetos?

Lycia: Irei publicar pela editora Arqueiro o segundo volume da série Despertar, em seguida trabalharei nos próximos livros da série. Serão 4 no total.

tt: O que você está lendo agora?

Lycia: Nossa, mal tenho tido tempo de ler por lazer, pois dou aula de escrita e estou atualmente avaliando livros de alunos. Mas quando sobra um tempinho estou lendo UM CASO PERDIDO.

tt: Indique um livro para as leitoras de Todateen 😉

Lycia: O livro que toda menina/mulher deveria ler, em minha opinião, chama-se AMOR DE REDENÇÃO, da autora Francine Rivers. O livro me marcou profundamente e é o meu preferido. Não tem como fechar a última página sem que algo tenha se transformado dentro de você.

tt: Um recado/uma dica para quem sonha em se tornar escritora…

Lycia: Leia muito e não desista! A profissão é realmente difícil no Brasil, mas se você se aplicar para escrever bem, ser persistente e batalhadora, com certeza encontrará seu lugar ao sol.

E então, pessoal? Curtiram a entrevista? 🙂 Conta pra gente: qual autor ou autora você gostaria de ver aqui no Ler é TDB?

Advertisement
1 Comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comportamento

Última Página | Carta Aberta para Aninha

Published

on

Última Página | Carta Aberta para Aninha
Nicole Cardoso/@_niccardoso

texto por Ana Hikari (@_anahikari)
ilustrações por Nicole Cardoso (@_niccardoso)

 

Oi Aninha, aqui é a Ana Hikari, com nossos 26 anos. Sim, agora você usa HIKARI pra se apresentar às pessoas, porque você não tem mais vergonha do seu segundo nome japonês. Surpreendentemente, as pessoas pararam com aquela bobagem de achar que não dá pra pronunciar seu nome direito, então agora você usa seu nome, que significa Luz.

Para além do seu nome, muita coisa mudou na forma de você se apresentar ao mundo. Uma delas é que agora você (ou eu… ou nós) sabe que tá tudo bem falar bem alto sobre a sua vontade de ficar com mulheres. SIM, você leu direito! Você já pode falar em alto e bom tom que você também ama mulheres.

Eu sei, é um pouco difícil de acreditar né? Depois da gente ouvir tantas vezes que era “anormal” mulher que gosta de mulher… Ou depois de ler em vários lugares “qual a maneira ideal de conquistar um garoto”… Depois de ouvir que menina que beijava meninas só estava beijando pra agradar meninos… Ou ouvir que suas amigas não chamariam uma amiga lésbica pra dormir na casa delas… Ou ainda, depois de ouvir que algumas tinham nojo de mulher que beijava mulher.

Aliás, tenho uma coisa pra te contar! Uma dessas meninas que falou essa baboseira de “ter nojo”, você um dia vai encontrar no cinema aos beijos e amassos com: UMA MULHER! Ver essa cena vai ser lindo! Você vai entender que aquela palavra “nojo” dita por ela, talvez tenha sido um jeito de extravasar tudo que ela estava suprimindo em si na época da escola. E que aquilo não tinha nada a ver com você, era sobre ela mesma.

Eu sei, nesse momento aí, com seus 15/16 anos, está difícil de entender que o que falam não é sobre você ou pra te ofender. Eu sei que parece que você está errada, está viajando, está doente… qualquer coisa… mas você não está! Eu te juro! Isso que você sente sobre mulheres não é anormal. Você não é uma aberração, para de acreditar nessa mentira, tá bem?

E tá tudo bem que você esteja ficando com vários meninos e nenhuma menina, por enquanto. O que define quem você é não são as bocas que você tem beijado por aí, mas, sim, como a gente se sente. E a gente sabe bem o que a gente sente, né?

E eu sei também que pra você tem sido mais fácil jogar o jogo que você já sabe as regras: passamos muito tempo aprendendo direitinho as regras heteronormativas de “conquistas” pra ficar com garotos e nenhuma sobre como ficar com garotas. Infelizmente, preciso te dizer que até hoje eu não sei direito as regras pra ficar com garotas, viu? Ainda fico bem nervosa quando tô afim de uma e torço pra ela chegar em mim, porque se depender de nós, Aninha, a gente esquece até do nosso nome na frente das mulheres maravilhosas que conhecemos. Quem sabe a Ana de 36 anos volta pra me dizer que tem sido mais fácil pra ela lá na frente.

Mas eu tenho boas notícias: você está aí no início das suas descobertas sobre sexualidade, mas quando a gente entender que nosso corpo é muito potente pra nos dar prazer e que o nosso próprio corpo é quase um mapa pra entender o prazer de outra mulher, você vai descobrir coisas lindas nas experiências sexuais. E não tem absolutamente nada de promíscuo nem de experimental nisso. Ou seja, não vai ser uma fase, vai ser uma jornada inteira, pro resto da sua vida!

Estou te mandando essa carta pra dizer: Aninha, você não se descobriu bissexual, você só descobriu que o mundo inteiro tem o dever de aceitar você do jeitinho que você é e que o seu jeito de amar é lindo e parecido com o de muitas outras pessoas por aí. Fica tranquila! Vai dar tudo certo e vai ser lindo.

Última Página | Carta Aberta para Aninha

Nicole Cardoso/@_niccardoso


Ana Hikari

Escolhida pela Forbes para a lista 30 under 30 de 2020, a atriz Ana Hikari fez história ao se tornar a primeira protagonista amarela da Rede Globo com a novela “Malhação: Viva a Diferença”, temporada vencedora de um Emmy que voltou ao ar em 2020 e gerou a série “As Five”, trama original da Globoplay na qual as personagens enfrentam dilemas de jovens adultas. Seu próximo projeto é a novela global “Quanto Mais Vida Melhor”, assinada por Mauro Wilson e com estreia prevista para o primeiro semestre de 2021 na faixa das 19h da emissora. Na vida pessoal, Ana utiliza suas redes sociais para combater o preconceito contra pessoas amarelas, além de discutir e conscientizar seu público sobre racismo, homofobia e feminismo.

Instagram: instagram.com/_anahikari/

Nicole Cardoso

Ilustradora e pesquisadora de literatura infantil e juvenil, maternidade e cultura pop.

Instagram: instagram.com/_niccardoso/
Contato: ilustranic@gmail.com

Confira todos os textos da Última Página aqui!

Continue Reading

Entretenimento

Bruno Mars e Anderson Paak curtem tarde de música com a banda no clipe de “An Evening with Silk Sonic”

Published

on

Bruno Mars e Anderson Paak curtem tarde de música com a banda no clipe de "An Evening with Silk Sonic"
Reprodução / Instagram

Bruno Mars está de volta! O cantor, que não lançava um álbum desde 2016, anunciou seu retorno ao mercado na última quinta-feira (25), entretanto, dessa vez ele não está sozinho sob o holofote. O artista afirma que acaba de formar uma banda com o cantor Anderson Paak, e juntos, eles serão o “Silk Sonic“, grupo que já possui um álbum para ser lançado em breve. Nesta sexta-feira (5) o mundo recebeu o primeiro single da banda, nomeado “An Evening With Silk Sonic”.

A música de estreia mostra que a combinação entre os estilos de Paak e Mars realmente criaram uma mescla interessante, já que há uma sonoridade R&B em conjunto com um ritmo dançante. No clipe, os artistas mostram sua identidade como banda, em uma tarde de música e roupas retrô.

Confira o clipe:

Bruno Mars é um nome bem conhecido, sendo seu último lançamento “24K Magic” um sucesso internacional, entretanto, quem é Anderson Paak? Trata-se de um artista americano que mescla o hip-hop e R&B em evidência no mercado musical desde 2014, indicado ao Grammy de 2017 nas categorias “Best Urban Contemporary Album” e “Best New Artist”. No Grammy de 2019 o artista ganhou os prêmios de “Best R&B Album” e “Best R&B Performance”.

No Grammy de 2021, que vai acontecer em 14 de março, Anderson Paak está indicado em duas categorias por “Lockdown“, produção inspirada na quarentena. Será que leva mais prêmios?

Continue Reading

Entretenimento

Festival do “Rock In Rio” é adiado para 2022 – confira novas datas!

Published

on

Festival do "Rock In Rio" é adiado para 2022 - confira novas datas!
Divulgação

Mesmo com a imprevisão de quando a população de risco será vacinada em nosso país, o Rock In Rio contava com o retorno do entretenimento no segundo semestre, anunciando o festival para finais de semana de setembro e outubro deste ano. Com o passar do tempo e o questionamento sobre a quantidade de vacinas adquiridas no Brasil, a organização do evento resolveu adiar mais uma vez, portanto, as próxima edições do Rock In Rio e Rock In Rio Lisboa só irão ocorrer em 2022.

Na cidade carioca do rock, o festival foi remarcado para os dias 2, 3, 4, 8, 9, 10 e 11 de setembro de 2022, enquanto em Portugal o evento foi reagendado para o fim do primeiro semestre do próximo ano, nos dias 18, 19, 25 e 26 de junho de 2022.

Roberto Medina, presidente e criador do Rock in Rio, diz que já estão sendo feitas negociações com atrações e que há previsão de anúncios ainda para o primeiro semestre de 2021. A venda do Rock in Rio Card para a entrada no evento também vai começar em 2021, mas não em março como previsto anteriormente.

“As mudanças foram baseadas nas indefinições do cenário mundial da pandemia de Covid-19 e no fato de que a esta altura do ano, a organização do evento já estaria entrando tanto no Parque Olímpico, no Rio de Janeiro, quanto no Parque Bela Vista, em Lisboa, para dar início às montagens do evento”, diz comunicado do Rock in Rio à imprensa.

Antes do anúncio de adiamento, o festival já havia divulgado as atrações do “heavy metal day”, com Iron MaidenDream TheaterMegadeth e Sepultura. Com as novas datas, não sabemos se este line-up se mantém e aguardamos informações mais detalhadas da organização do evento.

Continue Reading
Advertisement
Combinação de Nomes

Todos os nomes possuem significados e juntos formam uma combinação única!

Digite nos campos abaixo e descubra nos mínimos detalhes.

 
Combinação de Signos

Confira a combinação de signos para todos do zodíaco

Descubra quais signos combinam no amor, sexo, trabalho e amizade. Faça quantas combinações desejar e compartilhe!

Mais Lidos

Copyright © 2020 - Website produzido por Perfil.com Ltda. Uma parceria de conteúdo Perfil Brasil e Editora Alto Astral. Este site é parceiro do UOL Entretenimento.