Connect with us

Cinema e TV

“Folklore: The Long Pond Sessions”: Taylor Swift confirma participação do namorado nas letras e outros segredos do álbum

Published

on

"Folklore: The Long Pond Sessions": Taylor Swift confirma participação do namorado nas letras e outros segredos do álbum
Divulgação / Disney+

Taylor Swift revelou aos fãs diversos detalhes sobre o processo de composição de seu novo álbum, “Folklore“, em meio à performances intimistas, no chamado “Folklore: The Long Pond Sessions“. O projeto é exclusivo do Disney+ e foi disponibilizado no streaming nesta quarta-feira (25). Nessa mescla de show com documentário, Swift comentou diversos detalhes sobre o álbum, e reunimos os mais impactantes!

+PRÊMIO TODATEEN 2020: Veja a lista completa dos indicados e indicadas!

Lembrando que caso você queira se surpreender assistindo à produção audiovisual de Taylor, melhor deixar essa matéria para depois, pois esse conteúdo possui spoilers!

1. É oficial: Joe Alwyn é William Bowery

Como contamos algumas vezes, Bowevery foi incluído nos agradecimentos de Taylor quando a cantora fez uma homenagem aos compositores que lhe auxiliram em “Folklore”. Só que… William Bowery não existe! Mas William é um músico e avô do namorado de Taylor, Joe Alwyn, que se encontrava com a cantora no hotel de nome Bowery.

No documentário, Taylor confirma que William Bowery é o pseudônimo de seu amor. “Então, William Bowery é Joe, como sabemos. Joe toca piano lindamente e está sempre tocando e inventando coisas e meio que criando coisas”.

“‘Exile ’foi uma loucura porque Joe tinha escrito aquela parte inteira do piano e estava cantando a parte Bon Iver. Ele estava apenas cantando, do jeito que todo o primeiro verso é”, revela Taylor.

2. Além de “Exile”, “Betty” foi escrita por Joe Alwyn

Taylor confirmou que “Betty” é um pedido de desculpas de uma traição a partir de uma perspectiva masculina, mas a surpresa foi que Joe também participou dessa faixa. “Acabei de ouvir Joe cantar todo o refrão totalmente formado de ‘Betty ’, de outra sala e fiquei tipo, olá”. 

“Ele estava cantando o refrão e eu achei que soava muito bom de uma perspectiva masculina, e eu realmente gostei que parecia ser um pedido de desculpas. Decidimos fazer isso da perspectiva de um adolescente depois que ele perdeu o amor de sua vida por ter sido tolo. ”

3. A terceira pessoa no triângulo amoroso se chama Augustine, não Inez

“Cardigan”, “Betty” e “August” são três canções que falam sobre um triângulo amoroso na perspectiva dos envolvidos, mas a garota chamada Inez não é a voz de “August”. Segundo a cantora, a canção é sobre uma garota chamada Augustine, portanto, Inez é outra personagem na narrativa, mas não a garota que se envolve com James.

“A ideia de que existe uma garota má e vilã em qualquer tipo de situação que pega o seu homem é na verdade um mito total, porque esse geralmente não é o caso. Todo mundo tem sentimentos e quer ser visto e amado”, completa Swift sobre a canção.

4. James e Betty ficam juntos no final

Taylor Swift confirma que, em sua mente, Betty aceita James de volta – embora ele “fosse um tolo”. “Nós o escrevemos, estou confirmando, ele era um idiota”, acrescentou ela.

5. “Mirrorball” foi escrita após o cancelamento da turnê de “Lover”

Se não fosse pela pandemia, o verão de 2020 teria visto Swift encenar seu show Lover Fest e ser a atração principal do Festival de Glastonbury do Reino Unido.

6. “My Tears Ricochet” é sobre um melhor amigo se tornando inimigo

“My Tears Richochet” é sem dúvida a música mais devastadora do Folklore, com Swift amaldiçoando um amante e a morte de um romance. “É uma música sobre como alguém pode ser seu melhor amigo e seu companheiro e a pessoa em que você mais confia em sua vida, e então pode ir e se tornar seu pior inimigo que sabe como machucá-lo, porque já foi sua pessoa em quem mais confia. ”

Lembrando que Taylor Swift está concorrendo ao PRÊMIO TODATEEN, nas categorias de Melhor Cantora InternacionalMelhor Álbum Internacional e Melhor Fandom. Vai lá votar!

Cinema e TV

Phoebe Dynevor, de “Bridgerton”, muda visual para viver artista revolucionária em novo filme – confira!

Published

on

Phoebe Dynevor, de "Bridgerton", muda visual para viver artista revolucionária em novo filme - confira!
Liam Daniel/Netflix

Nesta quinta-feira (8), a diretora Claire McCarthy publicou em suas redes sociais a primeira foto de Phoebe Dynevor caracterizada para o filme  “The Colour Room”. Com um visual bem diferente do que vimos em “Bridgerton”, a atriz aparece de cabelo mais escuro para viver a ceramista Clarice Cliff.

A narrativa será focada nessa revolucionária mulher da década de 1920, a qual se tornou uma das maiores designers da Art Déco.

Vem ver o novo look de Phoebe:

Com roteiro escrito por Claire Peate, o elenco é formado também por Matthew Goode, David Morrissey, Darci Shaw, Kerry Fox e Luke Norris. As filmagens começaram no dia 29 de março na Inglaterra e o longa está previsto para chegar aos cinemas no final de 2021.

Continue Reading

Cinema e TV

Tom Holland será protagonista com Transtorno Dissociativo de Identidade (TDI) em nova série da Apple TV+

Published

on

Tom Holland será protagonista com Transtorno Dissociativo de Identidade (TDI) em nova série da Apple TV+
Alberto E. Rodriguez/Getty Images

Segundo informações divulgadas pelo Deadline nesta quinta-feira (8), a próxima aposta da Apple TV+ será a série “The Crowded Room”, a qual retratará o primeiro caso de absolvição de um crime por conta do diagnóstico de Transtorno Dissociativo de Identidade (TDI). Para viver o protagonista Billy Milligan, o ator cotado é Tom Holland. A série ainda não possui previsão de estreia.

A primeira temporada é inspirada na biografia escrita por Daniel Keyes, “The Minds of Billy Milligan”. O cidadão de Ohio foi acusado de assaltos a mão armada e três abusos sexuais. A psquiatra Dorothy Turner, durante o processo de julgamento, concluiu após análises que o réu possuía o quadro que, no período, chamava-se Transtorno de Personalidade Múltipla.

A produção contará com dez episódios e será escrita e produzida por Akiva Goldsman, de “Uma Mente Brilhante”. Holland estrelou recentemente “Cherry“, longa dirigido pelos irmãos Russo do mesmo streaming. Em dezembro deste ano, ele também chega às telinhas com “Spider-Man: No Way Home“.

Continue Reading

Cinema e TV

Criadora de “WandaVision” explica porque escalou Evan Peters para o seriado

Published

on

Criador de "WandaVision" explica porque escalou Evan Peters no seriado
Divulgação / Disney +

Em entrevista ao podcast da Empire Magazine sobre entretenimento, Jac Schaeffer, criadora de “WandaVision”, falou sobre a ideia de trazer o ator Evan Peters para interpretar Mercúrio na série da feiticeira Escarlate. Como os espectadores sabem, as teorias sobre a série iniciar uma fase com multiversos na Marvel foi para o ralo, a vilã da série do Disney+ foi Agatha Harkness “all along”.

Evan Peters interpretou o personagem que é irmão de Wanda na versão da franquia “X-Men”. Na Marvel, outro ator foi responsável pelo herói Mercúrio, o qual morre em uma batalha no filme dos Vingadores. Com essa crossover, os fãs juravam que se tratava do início dos multiversos, mesclando diversos atores e realidades diferentes.

Segundo Schaeffer, a ideia era confundir os fãs mesmo, já que serviu como a meta-piada destinada a incitar a empolgação dos fãs. Por outro lado, a aparência de Evan serviu como uma forma adicional sobre o luto e as maneiras de como isso perturba a memória de Wanda.

“Recebemos um conselheiro sobre luto na sala [dos escritores] e fizemos algumas pesquisas sobre isso, e há muito sobre como as pessoas se lembram de rostos. A ansiedade de não lembrar dos rostos de seus entes queridos é como uma tática de autopreservação e tudo isso se tornou fascinante para nós. Pensamos que, ao colocar Evan no papel, não teria só esse efeito em Wanda, mas teria essa meta camada para o público também.”

Continue Reading
Advertisement
Combinação de Nomes

Todos os nomes possuem significados e juntos formam uma combinação única!

Digite nos campos abaixo e descubra nos mínimos detalhes.

 
Combinação de Signos

Confira a combinação de signos para todos do zodíaco

Descubra quais signos combinam no amor, sexo, trabalho e amizade. Faça quantas combinações desejar e compartilhe!

Mais Lidos

Copyright © 2020 - Website produzido por Perfil.com Ltda. Uma parceria de conteúdo Perfil Brasil e Editora Alto Astral. Este site é parceiro do UOL Entretenimento.