Connect with us

Cinema e TV

Teorias sobre as fitas, Choni e a descoberta de Verônica: confira as reações ao 1° episódio da quinta temporada de “Riverdale”

Published

on

Teorias sobre as fitas, Choni e a descoberta de Verônica: confira as reações dos fãs ao 1° episódio da quinta temporada de "Riverdale"
Divulgação / CW

Nesta quarta-feira (20) foi ao ar no canal de assinatura Warner Channel Brasil o primeiro episódio da quinta temporada de “Riverdale“, a qual ainda não possui previsão de estreia na Netflix. Os novos episódios serão transmitidos uma vez por semana no canal, seguidos de uma edição ao vivo do programa “Pop´s Talk”, em que as apresentadoras Valentina Pulgarin e Alice Aquino comentam os principais acontecimentos em conjunto com o fandom no Twitter. Para tornar tudo ainda mais divertido, a gente também separou os principais acontecimentos da última noite.

Atenção: se você não assistiu ao primeiro episódio da quinta temporada de “Riverdale” e está fugindo de spoilers, melhor deixar essa matéria para depois!

A descoberta de Verônica

A vergonha alheia reinou no episódio! Verônica mostrou em vários momentos seu amor incondicional para Archie, uma situação complicada, visto que o garoto não se sente mais tão envolvido assim desde que beijou Betty. Por mais que a vizinha não pareça corresponder aos seus sentimentos, Archie teve que contar sobre a traição para Ronnie, que cantou a música escrita para Betty achando que era para ela, e pior, cogitou trancar a faculdade só para ficar com o ruivo em Riverdale.

E para completar a tensão entre os casais, ainda temos Hiram ficando extremamente irritado com a filha favorita sendo magoada.

Prom, troca de dubladora e Choni ameçada

Os looks da festa de formatura estavam impecáveis, mas o que deu o tom do baile mesmo foi ver Cheryl e Toni juntinhas ganhando o prêmio de rainhas do baile. Entretanto, aparentemente essa foi a última noite do casal, que pode estar condenado pela rivalidade criada pelos Blossom. Falando na ruivinha, a dublagem de Cheryl mudou – e os fãs não gostaram dessa mudança repentina.

Teorias das fitas

Apesar do mistério ter ficado em segundo plano diante de tanto drama entre os casais favoritos da série, a caça ao autor dos filmes bizarros continua, e depois desse episódio, o fandom não para de criar teorias. Tem quem ache que é Jellybean, outros pensam em Charles e Chick, muita gente também comenta sobre Mr. Honey nunca ter morrido. E você, quem acha que é?

A quinta temporada traz a finalização dos mistérios despertados na última temporada do seriado, que não foi devidamente finalizada devido à pandemia do novo coronavírus, bem como baile de formatura e início da vida universitária de cada um dos personagens.

Lembrando que será apenas um episódio a cada quarta-feira, até a finalização da temporada, que contará também com um salto temporal. Curioso para saber mais sobre as aventuras de Archie, Betty, Veronica e Jughead? Então não perca a estreia dos episódios!

Celebs

Entrevista: Polliana Aleixo reflete sobre sua trajetória e fala sobre seu próximo trabalho, a novela “Gênesis”

Published

on

Entrevista: Polliana Aleixo reflete sobre sua trajetória e fala sobre seu próximo trabalho, a novela "Gênesis", da Record
Rawpixel/Allan Amim | Arte: Laura Ferrazzano

A atriz Polliana Aleixo fez sua estreia na televisão em 2007, com apenas 11 anos, ao lado de Renato Aragão, interpretando a personagem Lucélia no especial O Segredo da Princesa Lili, da Globo. E, desde então, nunca mais parou.

A artista, que também é formada em Publicidade e Propaganda, já deu vida a diversos papéis em novelas de peso também na Record TV, além de ter gravado em 2019 uma participação no programa Dra. Darci, do Multishow, que foi exibido em novembro de 2020, e o seu primeiro longa-metragem,  A Sogra Perfeita.

+ Exclusiva: Eduardo Borelli fala sobre sua experiência na série “Desalma”

Em entrevista exclusiva à todateen, Polliana falou sobre sua trajetória e deu detalhes sobre seu próximo trabalho: a novela Gênesis, da Record TV, prevista para estrear em 2021.

Confira!

todateen: Como está sua quarentena, Polliana? Tem desenvolvido alguns hobbies novos?

Polliana: Eu levei muito em consideração todos os meus privilégios, então tenho feito minha parte, que é o mínimo. Fiquei em casa e tirei um tempo para me organizar e me conhecer, aprender mais sobre mim mesma, comecei a fazer vários trabalhos manuais, como DIY e desenho, fiz vários cursos para área, como atuação e roteiro. O ano de 2020 foi sobre resiliência, acima de tudo, pra mim. Aprender a me virar no dia a dia, com o que tenho de certo, que é o agora.

tt: Você sempre soube que queria ser atriz? Como isso começou?

P: Acho que sempre fez parte de mim, mas conscientemente, quando eu tinha uns 13 anos. Estava fazendo um seriado da Globo, da Licia Manzo, chamado “Tudo Novo de Novo” e ali eu entendi, de forma mais madura, o que significava trabalhar com algo a longo prazo e entendi que seria feliz fazendo aquilo. E realmente sou. Tudo é sempre novo, mesmo que eu faça isso desde os 11 anos de idade, nenhum trabalho é igual ou previsível. Isso preenche minha alma.

tt: Como foi pra você estrear na Globo com apenas 11 anos?

P: Eu gostava muito de atuar, mesmo sem entender a proporção disso. Pensa numa criança de 11 anos, o mundo que ela conhece é menor e diferente do que, hoje, com 24 anos. Demorei alguns anos para entender isso, então sempre fiz tudo com muita leveza. Tenho uma familia que me apoia e sempre me amparou, a verdadeira preocupação dos meus pais é que eu fosse feliz e realizasse meus sonhos. Eu tenho sorte, além de oportunidades, tenho uma rede de apoio realmente incrível e que só aumenta com os anos. Eu sempre lembro de tudo com muito carinho e orgulho. Vendo hoje em dia, eu realmente fazia por instinto, por gostar, e que bom que segui esses meus instintos.

tt: Qual a sua maior felicidade em ser atriz?

P: A constante sensação de algo novo. Como disse, nenhum trabalho é igual ao outro, o ser humano é complexo demais e o grande barato, pra mim, é justamente criar essas camadas. Também sou uma pessoa muito sociável, eu adoro conversar, mesmo! Adoro inclusive conhecer pessoas novas. E o audiovisual é sobre isso, muitas etapas e muita gente competente e interessante para tudo aquilo acontecer. Como dizem no Oscar, “it takes a village!”. Eu sempre brinco que parte do nosso trabalho é saber conviver.

tt: Qual seu maior objetivo com a arte? O que mais quer transmitir para as pessoas com seu trabalho?

P: Emoções, acima de tudo. Eu, como cinéfila, acho que o ápice de uma atuação ou trama é quando ela te arrebata. Seja te fazendo chorar, sorrir, se emocionar ou ficar revoltada de raiva, essa é a magia do cinema, né? E podendo alinhar isso a um trabalho que traga questões importantes para luz, é o melhor dos mundos.

tt: Qual foi a novela que mais te marcou e porquê?

P: É como pedir para mãe escolher o filho que mais gosta! Existe todo um processo para a criação de cada personagem e a sua narrativa e é impossível pra mim escolher o que gosto mais! Tive a oportunidade de explorar coisas diferentes desde nova e tenho carinho por cada uma delas.

tt: Pra você, o que é mais desafiador: estar em uma novela ou gravar um filme?

P: São dois produtos bem diferentes e isso tudo depende da trama, porque isso dita a dificuldade das cenas. Mas de modo geral, a novela é um produto bem mais extenso, então acaba sendo mais desafiador, às vezes.

tt: Qual a parte mais difícil de ser atriz, na sua opinião?

P: Alinhamento de expectativas. Quando eu leio uma cena, imagino mil coisas, no ensaio e no processo você tem vários insights. Mas, às vezes, no dia, por dezenas de fatores que podem ocorrer, as coisas não saem exatamente como você imagina. Faz parte do processo. A situação oposta também acontece, e é uma das melhores sensações, quando você faz melhor que imaginava na hora do “gravando”.

tt: Se pudesse escolher uma atriz para contracenar, quem seria?

P: Não tem como fugir do clichê, eu não tenho nem palavras para o que seria contracenar com a Fernanda Montenegro! Seria um enorme check na minha lista de desejos!

tt: Conta pra gente um sonho que você ainda não realizou!

P: Ah tem alguns, até porque tudo tem o seu tempo. Mas algo que pode parecer bobo mas eu sonho em ter ainda, é um cachorro. Eu moro em apartamento e viajo muito, então acho complexo ter cachorro nessa fase da minha vida. Mas agora pensando no profissional, eu ainda tenho o sonho de ser indicada ao Emmy.

tt: Como foi pra você integrar o elenco de A Sogra Perfeita?

P: Uma delícia, cada momento. Hoje mesmo estava falando com algumas pessoas da equipe. Formamos uma grande família e eu realmente comecei com o pé direito, no cinema. Eu já assisti ao filme e está lindo, passando tudo que queríamos. Está leve, divertido e surpreendente. Foi meu primeiro trabalho na comédia, então foi tudo novo e muito gostoso de descobrir. O set era muito engraçado, a Cacau, Evelyn e Rodrigo são sensacionais! Ficávamos todos no mesmo hotel e saíamos para jantar quando dava tempo, eu dava tanta risada com eles!

tt: Este ano você estreará na novela Gênesis, da Record. Você está animada para que o público conheça o seu trabalho?

P: Bastante! É uma personagem muito diferente de tudo que já fiz, explorando novas facetas. A Paltith tem me tirado muito da zona de conforto, está sendo um aprendizado.

tt: Você viverá a filha de Ló, a Paltith. Como está sendo interpretar esta personagem?

P: Já gravamos quase metade, são alguns capítulos e cada cena é importante e intensa. Tivemos algumas reuniões com historiadores e preparador de elenco, além de bastante tempo para pensar e ir construindo tudo juntos, confio muito no trabalho do Edgar Miranda, nosso diretor geral, e todo o elenco que divide cena comigo. Tem tudo sido feito com calma por conta do momento que estamos vivendo, mas tudo com muito carinho e cuidado.

tt: Quais são seus planos pro futuro?

P: Não estou fazendo planos tão concretos, porque as coisas ainda estão se encaminhando. Mas esse será um ano cheio, logo após a novela tenho um longa para gravar, e em seguida uma série. Tenho focado mais nos projetos profissionais, mas tomando a vacina quero muito viajar! Estou com muita saudade do Nordeste do país.

Continue Reading

Cinema e TV

Al Pacino dormindo, diversos erros técnicos e mais: confira os melhores memes do Globo de Ouro 2021

Published

on

Al Pacino dormindo, diversos erros técnicos e mais: confira os melhores memes do Globo de Ouro 2021
Sandra Molina (NBCUniversal)

A temporada de premiações começou! O Globo de Ouro 2021 se deu neste domingo (28). A 78ª edição do prêmio foi promovida, como sempre, pela Associação de Imprensa Estrangeira de Hollywood, celebrando as produções mais aclamadas do cinema e da televisão norte-americanos. O evento, para a surpresa de todos, contou com muitos problemas de conexão, soneca ao vivo e looks para ficar em casa, rendendo os melhores memes.

+Chadwick Boseman, primeira diretora chinesa vencedora e mais: confira a lista completa de ganhadores do Globo de Ouro 2021

+Globo de Ouro 2021: confira os melhores looks da premiação

Confira os momentos do Globo de Ouro 2021 que viralizaram nas redes sociais:

Problemas técnicos

O Globo de Ouro teve uma quantidade maior do que o esperado de problemas técnicos, como conexão ruim logo na primeira categoria, microfones mutados na hora do discurso… O pior momento se deu no agradecimento de Catherine O’Hara, quando seu parceiro resolveu fazer barulhos para “brincar” com a atriz, já que para muita gente pareceu um problema de conexão, e quando ficou nítido que era uma piada, poucos encontraram a graça.

Bill Murray representou todo mundo com seu lookinho e drink

Roupa tie-dye de Jason Sudeikis

Afinal, a premiação foi em casa, não há necessidade de se vestir de gala para sentar no sofá.

Reação de Emma Corrin 

Não foi exatamente um meme, mas entrou para a lista de melhores momentos após nossa Diana ganhar na categoria disputada pela rainha Olivia Colman (que reagiu à vitória da colega com um largo sorriso <3).

A casa de Jeff Daniels possui muitas portas

O pessoal perdeu o discurso do ganhador da categoria porque o número de portas da casa de Jeff foi mais chamativo.

Al Pacino foi filmado por um bom tempo dormindo

A gente gostaria de ressaltar que a categoria dele demorou bastante e uma soneca era necessária.

Continue Reading

Cinema e TV

Em discurso crítico ao Globo de Ouro 2021, Jane Fonda cita a ausência de “I May Destroy You”

Published

on

Em discurso crítico ao Globo de Ouro 2021, Jane Fonda cita a ausência de "I May Destroy You"
Sandra Molina (NBCUniversal)

A temporada de premiações de 2021 começou! O Globo de Ouro 2021 se deu neste domingo (28). A 78ª edição do prêmio foi promovida, como sempre, pela Associação de Imprensa Estrangeira de Hollywood, celebrando as produções mais aclamadas do cinema e da televisão norte-americanos. Entre os destaques da noite está a homenagem do evento à Jane Fonda, a qual recebeu o prêmio Cecil B. de Mille pelo conjunto de sua obra na televisão e cinema e na linha de frente das questões sociais.

+Chadwick Boseman, primeira diretora chinesa vencedora e mais: confira a lista completa de ganhadores do Globo de Ouro 2021

+Globo de Ouro 2021: confira os melhores looks da premiação

A atriz de 83 anos recusou a ajuda para subir ao palco, recebeu o prêmio e realizou um discurso potente sobre a importância de representatividade, um shade para lá de potente ao Globo de Ouro, já que a premiação não possui pessoas negras entre os membros responsáveis pela decisão de vitória das estatuetas, fator que pode explicar esnobadas em produções como “I May Destroy You”, citada por Jane Fonda.

Confira o discurso completo:

“Eu vi muita diversidade em minha longa vida e às vezes fui desafiada a entender algumas das pessoas que conheci, mas inevitavelmente, se meu coração estiver aberto e eu olhar além da superfície, sinto afinidade. É por isso que todos os grandes condutores da percepção nos falaram em histórias, poesia e metáfora, porque as formas não lineares que são a arte falam em uma frequência diferente. Eles geram uma nova energia que pode nos abrir e penetrar em nossas defesas, para que possamos ver e ouvir o que podemos ter medo de ver e ouvir.

Apenas neste ano Nomadland me ajudou a sentir amor pelos errantes entre nós, e Minari abriu meus olhos para a experiência de imigrantes lidando com as realidades da vida e novas terras. Judas e o Messias negro, Machado Pequeno, Uma Noite em Miami e outros demonstraram minha empatia pelo que significa ser negro. I May Destroy You me ensinou a considerar a violência sexual de uma maneira totalmente nova.

A vida em nosso planeta nos mostra como nosso pequeno planeta azul é frágil e nos inspira a salvá-lo e a nós mesmos. As histórias realmente podem mudar as pessoas. Mas há uma história que temos medo de ver e ouvir sobre nós mesmos neste setor, uma história sobre quais vozes respeitamos e elevamos, e quais ignoramos. A história de quem oferece um lugar à mesa e quem é mantido fora das salas onde as decisões são tomadas.

Então, vamos todos nós – incluindo todos os grupos que decidem quem é contratado, o que é feito e quem ganha prêmios – nos esforçar para expandir essa tenda, para que todos se levantem e a história de todos tenha uma chance de ser vista e ouvida. Quero dizer, fazer isso significa simplesmente reconhecer o que é verdade, e estar em sintonia com a diversidade emergente que está acontecendo por causa de todos aqueles que marcharam e lutaram no passado. Por causa daqueles que pegaram o bastão hoje. Então, vamos ser líderes.”

Continue Reading
Advertisement
Combinação de Nomes

Todos os nomes possuem significados e juntos formam uma combinação única!

Digite nos campos abaixo e descubra nos mínimos detalhes.

 
Combinação de Signos

Confira a combinação de signos para todos do zodíaco

Descubra quais signos combinam no amor, sexo, trabalho e amizade. Faça quantas combinações desejar e compartilhe!

Mais Lidos

Copyright © 2020 - Website produzido por Perfil.com Ltda. Uma parceria de conteúdo Perfil Brasil e Editora Alto Astral. Este site é parceiro do UOL Entretenimento.